Trabalho

TST

TST valida quebra de sigilo de empresa para pagar dívida

Corte quer evitar “manobras” para impedir que seja localizada verba para quitar débito trabalhista

TST;
Crédito: Flickr/@TST_oficial

O Tribunal Superior do Trabalho (TST) considerou válida a quebra de sigilo bancário, mediante autorização judicial, quando houver indícios de utilização de “manobras” para impedir que sejam localizados e utilizados os valores necessários para o pagamento de dívidas trabalhistas. A decisão foi tomada, por unanimidade, pela Subseção Especializada em Dissídios Individuais do TST (SDI-2), ao […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.