Do Supremo

Interferência na PF

Julgamento sobre formato de depoimento de Bolsonaro está parado há um mês

Caso não tem previsão de retorno à pauta do plenário. Apenas o ministro aposentado Celso de Mello já votou

luiz fux jair bolsonaro stf abertura do ano judiciário
Ministro Luiz Fux durante sessão solene de posse do ministro Nunes Marques no STF. Foto: Fellipe Sampaio/SCO/STF (05/11/2020)

O julgamento que vai definir a maneira pela qual o presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) vai prestar depoimento no âmbito do inquérito que investiga se o chefe do Executivo tentou interferir politicamente na Polícia Federal está parado há um mês no Supremo Tribunal Federal (STF). O caso foi pautado no dia 8 de […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.