Opinião & Análise

Lava Jato ameaçada?

Breves apontamentos sobre os diálogos entre Sergio Moro e Deltan Dallagnol

Advogados de defesa de apenados por Sergio Moro certamente irão explorar as mensagens para tentar anular condenações

Sergio Moro
O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, abre o 2º Encontro Nacional de Combate à Pirataria e a Crimes Correlatos / Crédito: José Cruz/Agência Brasi

No final da tarde deste domingo, o site The Intercept Brasil, de Glenn Greenwald, publicou conversas entre o procurador da República Deltan Dallagnol e o ex-juiz Sergio Moro, hoje ministro de Jair Bolsonaro (PSL). O site tem relevância para imprensa internacional e goza de certa visibilidade.

As revelações indicam que Sergio Moro e o Ministério Público Federal, em Curitiba, agiram em conjunto durante a Operação Lava Jato. Os diálogos realizados pelo Telegram, obtidos pelo The Intercept, revelam que Moro manteve relações controversas e inconvenientes para um juiz, chegando a orientar a ação do MP num processo que, ao final, seria julgado por ele mesmo. É básico o princípio de que quem acusa não pode julgar.

É evidente que o fato trará constrangimentos a Sérgio Moro, o ministro mais popular do governo Bolsonaro. Será desgastante negar as acusações que deverá sofrer. Ao mesmo tempo, ficará mais custoso afirmar que sempre agiu nos marcos da imparcialidade, do apartidarismo e da neutralidade política.

É de esperar que os desafetos de Moro aproveitem a situação — seja no STF, seja no Congresso Nacional e até mesmo no interior do governo — para instigá-lo politicamente ao mesmo tempo em que buscarão providências no âmbito dessas instituições.

Advogados de defesa de denunciados pelo MPF de Curitiba e apenados por Sergio Moro certamente irão explorar os diálogos para tentar anular condenações e processos pendentes, com base na suspeição do ex-juiz;

Seus desdobramentos dependerão, no entanto, do quanto a chamada “grande mídia” vier a amplificar essas denúncias. The Intercept afiança ainda ter muito material a respeito — vídeos, áudios, diálogos — e divulgá-lo aos poucos.

Será natural que essas revelações deem ânimo à oposição. Seus efeitos tendem a ser continuados e ajudam a compor o cenário de manifestações de rua, chamadas em defesa da Educação, contra a reforma da Previdência ou por uma Greve Geral.


Faça o cadastro gratuito e leia até 10 matérias por mês. Faça uma assinatura e tenha acesso ilimitado agora

Cadastro Gratuito

Cadastre-se e leia 10 matérias/mês de graça e receba conteúdo especializado

Cadastro Gratuito