Justiça

Os favoritos na corrida ao STJ

Quem leva vantagem na disputa entre os 20 candidatos à vaga do ministro Arnaldo Esteves Lima,

José Alberto/STJ

A disputa está acirrada. Mas dos 20 candidatos à vaga do ministro Arnaldo Esteves Lima, no Superior Tribunal de Justiça, já há consensos e uma tendência para formação da lista tríplice que será encaminhada pela Corte à presidente Dilma Rousseff.

A eleição pelos ministros do STJ ocorrerá nesta quarta-feira (11/03), às 18h. Os candidatos são juízes dos tribunais regionais, sendo os favoritos provenientes do TRF1, com sede em Brasília, e do TRF4, com jurisdição no sul do país.

Um dos grandes favoritos é o desembargador Reynaldo Soares da Fonseca, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1). Foi citado por todas as fontes consultadas pelo JOTA.

O desembargador Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz também é citado como forte candidato. Ele recebe apoio do presidente do STJ, ministro Francisco Falcão.

+JOTAMPF quer regras e limites ao trabalho da Polícia Federal

+JOTAQuem tem medo de Sergio Moro?

Algumas questões têm tornado o processo de seleção mais difícil. A disputa é classificada como muito acirrada pelo fato de conter nomes remanescentes de eleições anteriores, além de o edital de seleção dos candidatos ter sido aberto na gestão do ministro Felix Fischer, fechado e reaberto na atual gestão de Falcão.

O quórum de votação também estará apertado. Composto por 33 ministros, o STJ está desfalcado com vagas em aberto de ministros aposentados. O ministro João Otávio de Noronha estará ausente. Com isso, 28 ministros participarão da sessão, o que exigirá uma maioria de 17 votos na primeira rodada de votação.

Ainda assim, fontes apontam que “se surpreenderão” se a lista tríplice não sair da seguinte relação de nomes.

Reynaldo Soares da Fonseca – TRF1

Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz – TRF4 – candidato do presidente do STJ

Joel Ilan Paciornik – TRF4 – Teria apoio do ministro Felix Fischer

Maria do Carmo Cardoso – TRF1 – Teria apoio do ministro João Otálio de Noronha que, porém, não participará da votação

Italo Fioravanti Sabo de Mendes – TRF1 – remanescente de listas anteriores

João Batista Pinto Silveira – TRF4 – tem apoio de ministros do sul do país

+JOTA: A lista completa de candidatos ao STJ

+JOTA: Quantos magistrados federais Dilma vai nomear se a PEC da Bengala não for aprovada


Faça o cadastro gratuito e leia até 10 matérias por mês. Faça uma assinatura e tenha acesso ilimitado agora

Cadastro Gratuito

Cadastre-se e leia 10 matérias/mês de graça e receba conteúdo especializado

Cadastro Gratuito