Jotinhas

TRF3

Procurador da Fazenda que esfaqueou juíza no TRF3 é encontrado morto em clínica

Matheus Carneiro Assunção estava internado em São Paulo. AGU e PGFN emitiram nota lamentando a morte

stock option TRF3
Tribunal Regional Federal da 3ª Região, o TRF3 / Crédito: Divulgação

O procurador da Fazenda Nacional Matheus Carneiro Assunção foi encontrado morto na clínica em que estava internado em São Paulo. A suspeita é que ele tenha se suicidado.

Em outubro, Assunção foi preso ao tentar esfaquear a juíza Louise Filgueiras no Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3), na Avenida Paulista. Não se soube a motivação do ataque.

No dia seguinte, Assunção passou por audiência de custódia e a Justiça definiu que ele deveria cumprir prisão preventiva no Hospital de Custódia e Tratamento Psiquiátrico Doutor Arnaldo Amado Ferreira, em Taubaté (SP), que é uma unidade prisional. Mas logo na sequência a defesa apresentou uma petição e o procurador ficou na capital paulista realizando tratamento psiquiátrico no Hospital das Clínicas, na Zona Oeste da cidade.

No fim de outubro, a Justiça Federal determinou que ele fosse transferido para a penitenciária do Tremembé (SP). No mês seguinte, houve uma nova decisão, com base em laudos médicos, e o procurador foi levado para uma clínica psiquiátrica em São Paulo. Os laudos médicos apontaram que durante o ataque no TRF3 Assunção teve um “surto psicótico agudo transitório”, fazendo com que fosse considerado inimputável.

Em nota, o advogado-geral da União, André Mendonça, e o procurador-geral da Fazenda Nacional, José Levi Mello do Amaral, lamentaram a morte de Assunção.  “Com profunda tristeza, lamentamos a morte do procurador da Fazenda Nacional Matheus Carneiro Assunção. Profissional dedicado e admirado pelos colegas, Matheus construía uma brilhante trajetória acadêmica e profissional, prematuramente interrompida”, afirma a nota. “A perda do Dr. Matheus é irreparável e reforça a consciência de que, assim como enfermidades físicas, problemas psicológicos exigem máxima atenção e sempre renovados cuidados” diz outro trecho do comunicado.


Cadastre-se e leia 10 matérias/mês de graça e receba conteúdo especializado

Cadastro Gratuito