Do Supremo

Lava Jato

Fachin nega pedido de liberdade de Joesley e Ricardo Saud, da JBS

O ministro afirmou que a prisão preventiva de ambos é necessária para evitar a reiteração delitiva e a destruição de provas

Rovena Rosa/Agência Brasil

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal negou, na noite desta terça-feira (19/12), pedido das defesas de Joesley Batista e Ricardo Saud, da J&F, para transformar a prisão preventiva de ambos em prisão domiciliar. Segundo o magistrado, a custódia cautelar deles é imprescindível para resguardar a ordem pública, evitar a reiteração delitiva e impedir […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.