Chiara Ramos

Doutoranda em Ciências Jurídico-Políticas pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa (Clássica), em co-tutoria com a Universidade de Roma - La Sapienza. Graduada e Mestre em Direito pela Universidade Federal de Pernambuco. Procuradora Federal, desde 2009. Exerce o cargo de Coordenadora Jurídica de Licitações e Contratos da Consultoria Jurídica junto ao Ministério da Cultura

25 de Julho: ancestralidade e reconstrução do imaginário social da mulher negra

Data constitui-se um marco internacional da luta e da resistência da mulher negra em relação às opressões de gênero e raça

25 de Julho: ancestralidade e reconstrução do imaginário social da mulher negra
Crédito: Unsplash

Últimas Notícias sobre

  1. Crédito: Pixabay

    ELAS no JOTA

    Assédio moral com viés discriminatório: uma violência naturalizada no trabalho

    Violência se opera por meios distintos, como falas, e-mails, postagens, comportamentos, atitudes e gestos

    , , ,

  2. Crédito: Unsplash

    Elas no JOTA

    Algoritmos: uma forma contemporânea de reprodução de opressões

    Vivemos a quarta revolução industrial: apertemos os cintos porque a aventura está só começando

    , , ,

  3. AGU
    Edifício sede da Advocacia-Geral da União (AGU). Crédito: Flickr/@advocaciageraldauniao

    Carreira

    Carta a um jovem procurador federal

    Faço parte do maior escritório de advocacia do mundo e jamais abrirei mão disso

  4. Carreira

    Carta a uma jovem concurseira

    Sou mulher, negra e de uma família simples da zona rural do Nordeste. Tinha tudo para me curvar

Recomendados

wikijota

Rol da ANS

Eleições 2022

Casa JOTA

TJSP

Jotinhas

ICMS

Regulação