Felipe Recondo

Diretor de conteúdo em Brasília. Sócio-fundador, é responsável por todo o conteúdo produzido pelo JOTA. Autor de "Tanques e Togas - O STF e a Ditadura Militar" e de "Os Onze - O STF, seus bastidores e suas crises", ambos pela Companhia das Letras. Antes de fundar o JOTA, trabalhou nos jornais O Estado de S.Paulo, Folha de S.Paulo, no blog do jornalista Ricardo Noblat. Email: [email protected]

Últimas Notícias sobre

  1. Silas Câmara André Mendonça
    O deputado federal Silas Câmara / Crédito: Pedro França/Agência Senado

    ANPP

    PGR propõe acordo de não persecução penal a Silas Câmara em caso de rachadinha

    Relator, Barroso deve aceitar acordo, já que pena proposta por ele estaria prescrita a partir desta sexta, depois de pedido de vista de Mendonça

    ,

  2. Ministro Alexandre de Moraes, presidente do TSE / Crédito: Alejandro Zambrana/Secom/TSE

    Eleições 2022

    Moraes rejeita ação do PL, aplica multa de R$ 22,9 milhões e bloqueia fundo partidário

    Presidente do TSE condena a coligação de Bolsonaro por litigância de má-fé; recursos ficarão bloqueados enquanto a multa não for paga

    ,

  3. presidente
    Urna Eletrônica / Crédito: Antonio Augusto / Ascom / TSE

    Eleições 2022

    Ex-secretário de TI do TSE aponta fragilidade em pedido do partido de Bolsonaro ao Tribunal

    Segundo Giuseppe Janino, falha é incapaz de mudar o registro do voto e a apuração 

  4. Moraes policiais militares rodovias
    Alexandre de Moraes / Crédito: Carlos Moura/SCO/STF

    Eleições 2022

    PL questiona no TSE votos em parte das urnas eletrônicas; Moraes exige relatório completo

    Presidente do TSE deu 24 horas para coligação de Bolsonaro apresentar informações sobre suposta desconformidade também no 1º turno

    , ,

  5. Lula Nunes Marques
    Ministro Nunes Marques / Crédito: Nelson Jr./SCO/STF

    Disputa

    A guerra entre o futuro governo Lula e Nunes Marques

    Petistas trabalharam nos bastidores para suspender nomeações de interesse do ministro do STF ao TRF1

  6. Exército urnas
    Imagem da urna eleitoral eletrônica para eleições presidenciais de 2022. Crédito: Nelson Jr./ASICS/TSE

    Eleições 2022

    É o fim da participação torta das Forças Armadas no processo eleitoral?

    Embora afirmem que tiveram capacidade de trabalho limitadas, militares pediram acesso a código-fonte com atraso

  7. Brasília - O deputado Jair Bolsonaro discute com a deputada Maria do Rosário durante comissão geral, no plenário da Câmara dos Deputados, que discute a violência contra mulheres e meninas, a cultura do estupro, o enfrentamento à impunidade e políticas públicas de prevenção, proteção e atendimento às vítimas no Brasil (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

    Caso Maria do Rosário

    O primeiro encontro de Bolsonaro com a Justiça criminal já está marcado

    Ações penais contra o presidente ficaram paradas durante o mandato, mas voltam a tramitar em janeiro

  8. Bolsonaro
    Jair Bolsonaro / Crédito: Clauber Cleber Caetano/PR

    TSE

    Defesa de Bolsonaro envia novas informações em ação sobre inserções de rádio

    Para ex-ministros e advogados, ação da campanha do presidente não deve prosperar. Leia a petição

    ,

  9. Ministra Maria Claudia Bucchianeri, do TSE / Crédito: Alejandro Zambrana/Secom/TSE

    Eleições 2022

    Maioria do TSE vota para conceder a Lula 24 inserções de direito de resposta

    Decisão tira de Bolsonaro o equivalente a um dia de propaganda. Leia a íntegra do voto da relatora

  10. tragédia de brumadinho
    Busca por vítimas do rompimento da barragem da Vale em Brumadinho (MG) / Crédito: Corpo de Bombeiros de Minas Gerais

    STF

    Federalização do caso de Brumadinho: voto decisivo pode ser de Cármen Lúcia

    André Mendonça pediu vista do processo. Como Lewandowski se declarou suspeito, em caso de empate ministra será convocada

  11. STF ditadura
    O Supremo Tribunal Federal na época da ditadura militar. Crédito: Arquivo STF

    Análise

    As diferenças entre a proposta de Bolsonaro e o que a ditadura fez com o STF no AI-2

    O presidente e seus aliados fazem o que nem a ditadura fez: não escondem que a ideia é ‘enquadrar’ o Supremo