Supra

STF

Mendes e Lula: uma liminar contra o Plenário do Supremo

Liminar alimenta politização e amplifica dúvidas sobre imparcialidade do tribunal, escreve Ivar A. Hartmann

Lula e Gilmar Mendes - José Cruz/ABr
Lula e Gilmar Mendes - José Cruz/ABr

A decisão liminar do ministro Gilmar Mendes suspendendo a nomeação de Lula é sintoma de uma patologia do Supremo: a individualização. A individualização do tribunal tem chegado a níveis extremos, de 93% das decisões. As liminares são parte desse problema. São admitidas pela legislação; a questão é como os ministros usam esse poder. Numa liminar […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.