Do Supremo

Lava Jato no Supremo

Para a maioria, réu delatado deve falar nas alegações finais depois de réu delator

Julgamento continua na próxima quarta-feira (2/10), quando o Supremo deve definir o alcance da decisão

pensão por morte; alegações
Sessão extraordinária do STF / Crédito: Nelson Jr./SCO/STF

O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) formou maioria para manter a tese da 2ª Turma que fixou que delatados devem fazer suas alegações finais após os corréus delatores em ações penais. Nesta quinta-feira (26/9), o colegiado discutiu o tema e, apesar de não ter concluído a análise, seis ministros votaram neste sentido. Além deles, o presidente da […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.