Do Supremo

STF

Nunes Marques garante a Witzel direito de não comparecer à CPI da Covid

Para ministro, Witzel foi convocado como investigado. Caso compareça, ex-governador tem direito ao silêncio

Witzel Witzel
Wilson Witzel, no Palácio Guanabara. Foto: Fernano Frazão/Agencia Brasil

O ministro Nunes Marques, do Supremo Tribunal Federal (STF), atendeu a pedido de Wilson Witzel, ex-governador do Rio de Janeiro, e garantiu a ele o direito de não comparecer à CPI da Covid-19. Caso Witzel compareça, tem direito ao silêncio, a não assumir o compromisso de falar a verdade e a ser assistido por advogado. […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.