Do Supremo

Lava Jato

Juiz diz que áudios de Lula foram deixados fora dos autos para inibir vazamentos

Luiz Antonio Bonat, juiz da Lava Jato, explicou que PF filtrou o que tinha relevância para incluir nos autos

proselitismo religioso Lula interceptações ligações
Ministro Edson Fachin durante sessão do STF. Foto: Carlos Moura/SCO/STF

O juiz Luiz Antonio Bonat, da 13ª Vara Federal de Curitiba, atendeu determinação do ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), e prestou explicações sobre o alcance das interceptações telefônicas autorizadas em março de 2016 pelo então juiz Sergio Moro. No documento, enviado nesta quarta-feira (18/9) ao STF, Bonat explica que foi a Polícia […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.