Do Supremo

STF

AGU entra com habeas corpus no STF para Pazuello ficar em silêncio na CPI da Covid

Ex-ministro da Saúde pede para ser assistido por advogado e ter garantias para não se autoincriminar

Pazuello
Jair Bolsonaro, acompanhado de Eduardo Pazuello, então ministro da Saúde / Crédito: Carolina Antunes/PR

A Advocacia-Geral da União (AGU) impetrou um habeas corpus no Supremo Tribunal Federal (STF) para que o ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, possa ficar em silêncio diante de alguns questionamentos para não se autoincriminar em depoimento à CPI da Covid-19. A AGU também pede que Pazuello tenha direito a ser assistido por advogado e que […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.