Opinião & Análise

Covid-19

O Supremo, os direitos e as celebrações religiosas presenciais

Nunes Marques desprezou não só a ordem legal, mas todas as recomendações dos especialistas em saúde pública

nunes marques responsabilização em terceirizações
Ministro Nunes Marques / Crédito: Fellipe Sampaio /SCO/STF

O voto dado pelo mais novo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), liberando missas, cultos e celebrações religiosas coletivas em tempos de pandemia, é mais uma comprovação do que já era perceptível há tempos: o abastardamento das instituições de controle do país. Essa tem sido uma das diretrizes do atual governo. Desde seus primeiros dias, […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.