Opinião & Análise

STF

O direito de conhecer a origem genética

O julgamento do Recurso Extraordinário (RE) 363889

Pixabay

Em 2011, em um julgamento histórico, o Supremo Tribunal Federal concedeu a um jovem o direito de voltar a pleitear de seu suposto pai a realização de exame de DNA, depois que um primeiro processo de investigação de paternidade foi extinto na Justiça de primeira instância do Distrito Federal. À época, o caso foi encerrado […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.