Opinião & Análise

Governança corporativa

O caso Carrefour e o incompreendido ‘S’ do ESG

Quais mudanças pontuais e estruturais são necessárias para dar respostas ao assassinato de João Alberto Freitas?

Manifestação na fronteira Brasil/Uruguai, contra o assassinato de João Alberto, por seguranças do Carrefour em Porto Alegre. Crédito: Marcelo Pinto/APlateia

O bárbaro assassinato de João Alberto Freitas (um homem negro de 40 anos), espancado e asfixiado por agentes da segurança privada (dois homens brancos) em uma loja do Carrefour Brasil, em Porto Alegre, intensificou o debate sobre a atuação de investidores e outras partes interessadas junto a empresas para prevenir casos dessa natureza. Quais mudanças […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.