Do Supremo

STF

O foro privilegiado em números

STF retoma julgamento que deve restringir a prerrogativa da Corte para investigar políticos

A Constituição de 1988 prevê que um conjunto amplo de agentes públicos responda por crimes comuns perante tribunais, como o Supremo Tribunal Federal e o Superior Tribunal de Justiça. O Supremo retomou nesta quinta-feira (23/11) o julgamento que discute limitar o alcance do foro privilegiado para autoridades. Até agora, são quatro votos no sentido de que […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.