Justiça

Violência contra a mulher

Vítima de assédio sexual em trem de SP deve ser indenizada em R$ 20 mil

Em decisão inédita, STJ responsabilizou transportadora por repetidos episódios de assédio sexual

assédio sexual
Crédito Edson Lopes Jr/A2 FOTOGRAFIA

Em decisão inédita, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) responsabilizou a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) – responsável pela gestão dos trens da capital paulista e da região metropolitana – pelo assédio sexual sofrido por uma passageira dentro de um dos vagões do transporte coletivo. A agressão ocorreu em 2014, quando a vítima embarcou […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.