Justiça

CNJ

CNJ vai julgar PAD contra médico do TJGO acusado de assédio sexual

Conselho vislumbrou demora excessiva na tramitação do PAD na corregedoria local, e confirmou afastamento do médico

Humberto Martins, relator do caso / Crédito: Gil Ferreira/Agência CNJ

O plenário do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) decidiu, nesta terça-feira (3/3), avocar o processo administrativo disciplinar (PAD) contra o médico Ricardo Paes Sandré, que atua no Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), por acusações de assédio sexual e assédio moral contra servidoras do tribunal. Assim, o PAD que tramitava na corregedoria local […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.