Justiça

STF

Após decisão do STF, STJ mantém prisão domiciliar de Adriana Ancelmo

Decisão da 6ª Turma considerou necessidades do filho de 11 anos e condições impostas pelo juiz Marcelo Bretas

Crédito Fernando Frazão/Agência Brasil

Por maioria, a 6ª Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve a prisão domiciliar da ex-primeira-dama do Rio de Janeiro, Adriana Ancelmo – mãe de dois filhos, um de 11 e outro de 14 anos. A decisão ocorre uma semana após o Supremo Tribunal Federal (STF) determinar a substituição da prisão preventiva pela domiciliar […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.