Carreira

Carreira

Os livros jurídicos mais vendidos em 2018

Lista foi elaborada pela Nielsen a partir da ferramenta Bookscan. Das 5 obras mais compradas, 3 são de Pedro Lenza

livros jurídicos
Crédito: Pixabay

O JOTA publica, nesta sexta-feira (15/03), a lista dos 100 livros jurídicos mais vendidos em 2018.

A lista foi elaborada pela consultoria Nielsen, a partir da ferramenta Bookscan. Os dados para formar o ranking foram coletados a partir do caixa das livrarias, e-commerce e varejistas colaboradores de todo o país, até o dia 31/12/2018.

Além da lista geral com os 100 livros jurídicos mais vendidos, a pedido dos leitores, selecionamos as 10 obras mais compradas excluindo-se Vade Mecums e livros com legislação seca.

Os 10 livros mais vendidos, sem contar Vade Mecums e legislação seca específica:

1-) Oab Esquematizado. 1ª Fase, de Pedro Lenza

2-) Direito Constitucional Esquematizado, de Pedro Lenza


3-) Manual de Direito Civil – Volume único, de Flávio Tartuce

4-) Direito Constitucional Esquematizado eBook Kindle, de Pedro Lenza

5-) Direito Processual Civil Esquematizado eBook Kindle, de Marcus Vinicius Rios Gonçalves e Pedro Lenza

6-) Dos Delitos E Das Penas, de Cesare Beccaria

7-) Direito Civil Brasileiro 1 – Parte Geral, de Carlos Roberto Gonçalves

8-) Como os advogados salvaram o mundo, de José Roberto de Castro Neves

9-) OAB Esquematizado 1ª Fase Volume Único eBook Kindle, de Pedro Lenza

10-) Manual de Direito Civil Volume único eBook Kindle, de Pablo Stolze Gagliano e Rodolfo Pamplona Filho

Para ver a lista dos 100 livros jurídicos mais vendidos de 2018, incluindo Vade Mecums e lei seca, clique aqui.

 

Veja outras indicações de leitura


Faça o cadastro gratuito e leia até 10 matérias por mês. Faça uma assinatura e tenha acesso ilimitado agora

Cadastro Gratuito

Cadastre-se e leia 10 matérias/mês de graça e receba conteúdo especializado

Cadastro Gratuito