Reforma Trabalhista

Após reforma

TST aposta na expansão de acordos para diminuir dissídios coletivos e greves

Renato de Lacerda Paiva quer incentivar tribunais regionais a adotarem a prática e promete norma sobre o tema

Renato de Lacerda Paiva; conflitos coletivos;
O vice-presidente do TST, o ministro Renato de Lacerda Paiva, Crédito: Igor Estrela/TST

Aumentar a resolução de conflitos envolvendo cláusulas de acordos ou convenções coletivas de forma amigável é um dos grandes objetivos do Tribunal Superior do Trabalho (TST) em 2019, de acordo com o vice-presidente, o ministro Renato de Lacerda Paiva. A medida se fortalece ainda mais após a reforma trabalhista, que deu maior importância aos acordos […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.