Concorrência

CADE

‘Não é cabível regular aplicativos como se fossem táxis’

Cristiane Alkmin, conselheira do Cade, manifesta repúdio ao PLC 28/2017

Cristiane Alkmin
Conselheira do Cade Cristiane Alkmin em sabatina no Senado - Crédito Edilson Rodrigues/Agência Senado

A conselheira Cristiane Alkmin, do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), se manifestou na sessão desta terça-feira (31/10) contra o PLC 28/2017, que visa regulamentar aplicativos de transporte como Uber, 99 e Cabify. Segundo ela, “não é cabível regulamentar os aplicativos como se fossem táxis”. “Entendo que há que regulamentar estes serviços sim, afinal, há assimetria de […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.