Do Supremo

Julgamento no STF

ANPR diz que enviar Lava Jato para Justiça Eleitoral anularia metade da operação

Força-tarefa diz que competência de investigação eleitoral exclusiva representaria prêmio a acusados

PL 7448/17; LAVA-JATO
Presidente da associação, José Robalinho. Crédito: divulgação ANPR

Na esteira dos quatro anos da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), o plenário deve julgar na quarta-feira (13/03) a amplitude da competência do crime eleitoral. Ou seja, se cabe à Justiça comum ou à especializada o julgamento de crimes eleitorais que tenham conexão com os crimes comuns, como corrupção ou lavagem de dinheiro. O […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.