Jotinhas

AGU

AGU quer inquérito contra IstoÉ, após revista dizer que Dilma “está fora de si”

Advocacia da União quer apuração de “crime de ofensa contra a honra da presidenta da República”

Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil

A Advocacia-Geral da União (AGU) vai pedir a abertura de inquérito contra a IstoÉ para investigar possível crime de ofensa contra a honra da presidente Dilma Rousseff nas duas úlimas edições da revista. Neste fim de semana, a revista publicou o texto “Uma presidente fora de si”, em que descreve supostos episódios de descontrole da presidente e diz que ela perdeu as condições emocionais de dirigir o país. A revista diz ainda que a presidente ” se entope de calmantes”, que nem sempre fariam efeito.

Leia abaixo a nota da AGU

A Advocacia-Geral da União (AGU) acionará o Ministério da Justiça para que determine a abertura de inquérito para apurar crime de ofensa contra a honra da presidenta da República cometido pela revista IstoÉ em reportagens publicadas nas duas últimas edições.

A AGU também invocará a Lei de Direito de Resposta para garantir, junto ao Poder Judiciário, o mesmo espaço destinado pela revista à difusão de informações inverídicas e acusações levianas.

Eventuais ações judiciais de reparação de danos morais também estão sob análise de advogados privados da presidenta Dilma Roussef.
Advocacia-Geral da União

 


Cadastre-se e leia 10 matérias/mês de graça e receba conteúdo especializado

Cadastro Gratuito