Lançamento

Livro ‘O Judiciário do nosso tempo’ é lançado no STF nesta quinta-feira

Felipe Recondo, do JOTA, é um dos autores da obra, da qual também participam ministros e juristas. Lançamento será às 18h

pauta STF Supremo Tribunal Federal STF
Crédito: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Nesta quinta-feira (4/8), na biblioteca do Supremo Tribunal Federal (STF), será realizada a sessão de autógrafos de “O Judiciário do nosso tempo: Grandes nomes escrevem sobre o desafio de fazer justiça no Brasil” (Globo Livros). O livro disseca as transformações da Justiça brasileira neste século. Ministros do Supremo e o jornalista Felipe Recondo, diretor de Conteúdo do JOTA, são alguns dos autores.

O evento de lançamento começa às 18h, na Biblioteca Ministro Victor Nunes Leal. O presidente do STF, ministro Luiz Fux, que também escreveu um capítulo, estará presente. A obra foi organizada por Maria Tereza Sadek, Pierpaolo Bottini, Raquel Khichfy e Sergio Renault.

Além de Fux, também são autores os ministros Cármen Lúcia, Dias Toffoli, Luis Roberto Barroso e Ayres Britto, hoje aposentado; a advogada Grace Mendonça; os advogados Antonio Claudio Ferreira Netto, Daniel Sarmento e Felipe Santa Cruz; o economista Marcos Lisboa.

Já disponível nas livrarias, o título abrange questões como a transparência no Judiciário, encarceramento em massa, a atuação da Defensoria Pública, a rotina do Ministério Público, liberdade de expressão, e o papel da Justiça na sustentação da democracia.

A obra traz textos de: Nelson Jobim, Cármen Lúcia, Maria Tereza Sadek, Ives Gandra Martins Filho, Dias Toffoli, José Carlos Cosenzo, Pedro Paulo Lourival Carriello, Renato de Vitto, Grace Mendonça, Felipe Santa Cruz, Pedro Freitas, Joaquim Falcão, Alberto Toron, Pierpaolo Bottini, Luis Felipe Salomão, Daniel Vianna Vargas, Igor Tamasauskas, Sebastião Tojal, Daniel Sarmento, Antonio Fernando de Souza, Adriana Cruz, Ayres Britto, Antonio Claudio Ferreira Netto, Gustavo Binenbojm, Iberê de Castro Dias, Andréa Pachá, Luiz Fux, Luís Roberto Barroso, Felipe Recondo, Heraldo Pereira, Marcos Lisboa, Luciana Yeung, Paulo de Azevedo, Márcio Chaer, Sergio Renault, Raquel Khichfy, Sônia Rao, Dora Cavalcanti e Roberto Irineu Marinho.