Markus Pohlmann

Professor de Sociologia na Universidade de Heidelberg desde 2003 e Fellow do Marsilius Center for Advanced Studies desde 2009. Antes de Heidelberg, lecionou na Universidade Friedrich-Alexander em Erlangen e foi diretor de pesquisa do Instituto ISO em Saarbruecken, Alemanha. Suas áreas de pesquisa são sociologia organizacional, gerencial e econômica. Lidera o grupo de pesquisa Estudos de Crimes Organizacionais e coordena o projeto Crime Corporativo e Corrupção Sistêmica no Brasil, no Max-Weber-Institut für Soziologie.

Trump e seus companheiros do carvão: uma despedida?

Por enquanto Trump está sendo demitido, mas as circunstâncias, que o empurraram para o topo, não estão

Crédito: Andrea Hanks/Fotos Públicas

Últimas Notícias sobre

  1. Crédito: Pexels

    Ciência

    Engenharia genética e divisão de tarefas

    China, EUA e o Prêmio Nobel pelo CRISPR

    Markus Pohlmann, Yuanyuan Liu

  2. Crédito: Pixabay

    Série

    Coronavírus na China: uma análise sociológica preliminar

    É possível discernir as particularidades de uma ditadura socialista digital, bem como um padrão diferente de valores

    Markus Pohlmann

  3. Crédito: Pixabay

    Corporate crime stories

    Revistas científicas predatórias, Open Access e a ciência orientada pela quantidade

    Perigos na indústria de publicações acadêmicas e o dilema qualidade versus quantidade

    Markus Pohlmann, Mário H. Jorge Jr.

  4. Cidade Proibida, Pequim, China. Imagem: Pixabay

    Corporate crime stories

    George Orwell na China: digitalização como meio de controle social total

    Governo chinês está testando um ‘sistema de pontos de crédito social’ em várias modalidades

    Markus Pohlmann

  5. Crédito. pixabay

    Corporate Crime Stories

    Volkswagen e o ‘círculo dos cinco’: o escândalo do diesel

    A falta de perspectiva para o fim da criminalidade ambiental no setor automobilístico

    Markus Pohlmann

  6. Imagem: Pixabay

    Corporate Crime Stories

    O sabor amargo do café nas cadeias globais de valor

    Tal como o cacau ou o tabaco, é difícil pôr fim às cadeias de valor com caráter ainda pós-coloniais

    Elizangela Valarini, Markus Pohlmann

Recomendados

LGPD

Casa JOTA

Aprovômetro

TJSP

Reforma tributária

reforma administrativa

Regulação

Liberdade de Expressão


Sair da versão mobile