Fernando Alves de Sousa

Advogado. Doutorando em ciências jurídicas processuais pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, Portugal. Professor de processo civil, prática jurídica cível e teoria geral do processo. Professor em pós-graduações de processo civil, mediação, conciliação e arbitragem. Mediador e instrutor de mediação judicial pelo Conselho Nacional de Justiça. Arbitralista. Presidente da associação de conciliadores, arbitralistas e mediadores - CONAME. Autor de dois livros jurídicos e de artigos e ensaios científicos publicados.

Riscos e desafios no estímulo à conciliação e mediação

O desafio dos acordos frente a ausência de calculabilidade de riscos

Foto: Luiz Silveira/Agência CNJ

Últimas Notícias

  1. Imagem: Pixabay

    Série

    A ação de produção antecipada de provas como instrumento autocompositivo

    Riscos e desafios no estímulo à conciliação e mediação. 6º texto da série

  2. Pixabay

    Série

    O modelo processual cooperativo potencializa a realização de acordos

    Riscos e desafios no estímulo à conciliação e mediação. 5º texto da série

  3. eficiência, CADE, concorrência
    Crédito: Pxhere

    Série

    A mediação/conciliação judicial semi-obrigatória no Brasil

    Riscos e desafios no estímulo à conciliação e mediação. 4º texto da série

  4. Imagem: Pixabay

    Série

    Riscos e desafios no estímulo à conciliação e mediação

    A mediação pré-judicial obrigatória em comparação aos princípios da autonomia da vontade e da pertinenza pela experiência italiana

  5. arbitragem, judicialização
    Crédito: Pixabay

    Série

    O estímulo à autocomposição: negociação, conciliação e mediação

    A 2ª parte da série sobre encolhimento da autocomposição no Brasil

  6. Audiência de conciliação; artigo 334
    Crédito: Pixabay

    Série

    O encolhimento da autocomposição no Brasil

    Riscos e desafios no estímulo à conciliação e mediação

Recomendados

Brasília - DF, 23/03/2020. Presidente Jair Bolsonaro, ministros e parlamentares durante videoconferência com governadores da região Nordeste. Foto: Isac Nóbrega/PR

SUPRA

A exceção às avessas no Brasil

Em uma sociedade pobre, desigual e instável, há algo mais perigoso que 'intervir' na política: não fazer nada

| Supra

Justiça

Carreira

Tributário

Legislativo

Coberturas Especiais

Trabalho

Colunas

Artigos