Élida Graziane Pinto

Doutora em Direito Administrativo na UFMG. Pós-doutorado em Administração pela FGV/RJ. Procuradora do Ministério Público de Contas de São Paulo.

Um ensaio sobre a cegueira orçamentária de 2021

Improviso patrimonialista e precário planejamento marcaram execução do Orçamento de Guerra de 2020

Barroso pede vista em ação sobre cancelamento de precatórios
Crédito: unsplash

Últimas Notícias sobre

    Recomendados

    LGPD

    Casa JOTA

    Aprovômetro

    TJSP

    Reforma tributária

    reforma administrativa

    Regulação

    Liberdade de Expressão