Advocacia

Cinema

Lançamento da AB2L debate relação de Direito e tecnologia

JOTA é um dos fundadores da Associação Brasileira de Lawtechs e Legaltechs

Crédito : pixabay

Na próxima terça-feira (6), será lançada a Associação Brasileira de Lawtechs e Legaltechs (AB2L), com dois debates sobre a relação entre Direito e tecnologia. O evento será em São Paulo, no Insper, das 19h às 22h.

O primeiro debate, sobre “Direito na Tecnologia”, será mediado pelo advogado Erik Fontenele Nybø, que é gerente Jurídico Global da Easy Taxi e autor do livro “Direito das Startups”.

O segundo, sobre “Tecnologia no Direito”, contará com o advogado Bruno Feigelson, criador da startup Sem Processo. Feigelson foi, inclusive, o criador de um grupo no WhatsApp, em novembro de 2016, com 4 startups focadas no mercado jurídico, que deu origem à criação da AB2L. Hoje, são mais de 30 empresas na associação.

“Estamos passando por uma mudança de era, saindo de um modelo e não tem como o Direito ficar fora disso”, diz Feigelson. “Embora o advogado seja um dos profissionais mais conservadores, tanto que ainda fala latim, há um interesse gigante pelas mudanças na área. Na primeira semana já esgotou o número de vagas do evento. Temos mais de 800 inscritos”.

Segundo Fontenele Nybø, o evento também servirá para quebrar o mito de que a tecnologia tomará conta do trabalho desenvolvido por advogados.

“O evento buscará justamente explorar esses mitos e demonstrar como a tecnologia pode ser uma aliada do advogado, uma ferramenta para a democratização dos serviços jurídicos, uma alternativa de carreira”, explica.

O JOTA é um dos fundadores da AB2L.

Veja a programação:


Cadastre-se e leia 10 matérias/mês de graça e receba conteúdo especializado

Cadastro Gratuito