Mercado

Entrevista

‘CVM não cresceu no mesmo ritmo do mercado’, diz Henrique Machado

Diretor, que encerra seu mandato na autarquia no dia 31 de dezembro, diz que ‘não há regulação sem enforcement’

Henrique Machado
Fonte: Edilson Rodrigues/Agência Senado

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM), órgão regulador do mercado de capitais, não cresceu no mesmo ritmo de seus supervisionados, o que impõe cada vez mais desafios à autarquia. A avaliação é do diretor Henrique Machado, que deixa o Colegiado da autarquia no dia 31 de dezembro. Em entrevista ao JOTA, Machado disse que, apesar […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.