Concorrência

Concorrência

Instituto realiza seminário só com mulheres do antitruste

Debate ocorre nesta quinta, no auditório da UNB, em Brasília

O Instituto Brasileiro de Estudos de Concor­rência, Consumo e Comércio Internacional (IBRAC), em parceria com a rede Women in Antitrust (WIA), realiza nesta quinta-feira (10/5), em Brasília, o 1º Seminário de Mulheres do Antitruste, no Auditório Joaquim Nabuco da Faculdade de Direito da UnB. O evento terá início às 8h30.

Em cinco painéis, as mais relevantes mulheres com atuação no Direito da Defesa da Concorrência no Brasil debaterão o papel feminino na área, remédios em atos de concentraçãos, big data, neutralidade de rede e condutas unilaterais, leniências no Brasil e mulheres em posições de liderança.

Entre as participantes estão: Paula Azevedo, Cristiane Alkmin e Polyanna Vilanova, conselheiras do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade); Amanda Athayde, integrante do Ministério Público Federal junto à autarquia antitruste; Paula Forgioni, professora da USP; Ana Frazão, ex-conselheira do Cade e professora da UnB, entre outras.

Segundo Amanda Athayde, uma das co-fundadoras da rede Women in Antitrust, esse primeiro seminário “visa a trazer uma profunda reflexão sobre a necessária participação das mulheres nos eventos que debatem o Direito da Concorrência no Brasil, dado o reconhecimento de sua relevância nos trabalhos desempenhados pelo Cade, pelos escritórios de advocacia, pelas consultorias econômicas e pela academia”.

O evento é gratuito, e as inscrições podem ser feitas no site do Ibrac.

Veja os detalhes da programação:


Você leu 1 de 3 matérias a que tem direito no mês.

Login

Cadastre-se e leia 10 matérias/mês de graça e receba conteúdo especializado

Cadastro Gratuito