Concorrência

Antitruste

Fazenda pede que Cade e MP investiguem plataformas públicas de táxi do RJ e SP

Segundo secretaria da concorrência da pasta, prefeituras dão incentivos anticoncorrenciais a empresas privadas

táxi
Crédito: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Secretaria de Promoção da Produtividade e Advocacia da Concorrência do Ministério da Fazenda (Seprac) pediu que o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), o Ministério Público e tribunais de contas estaduais investiguem plataformas de táxis criadas pelas prefeituras de Rio e São Paulo, como o Taxi.Rio e o SPTaxi, por supostas práticas anticoncorrenciais. De […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.