Concorrência

CADE

Cade deveria fiscalizar pós-fusão, diz Alexandre Cordeiro

Para conselheiro, mercado está sempre à frente da legislação

Sede do CADE, em Brasília. Crédito: JOTA Imagens

O conselheiro Alexandre Cordeiro, do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), sugeriu que o órgão antitruste vá além da aprovação de fusões e aquisições, analisando também o que acontece com o mercado depois da aprovação do negócio pelo tribunal administrativo. “Uma análise pós-fusão seria interessante para observarmos se o que previmos no julgamento se confirmou, […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.