Do Supremo

STF

Subprocurador-geral da República pede desculpas a Supremo por nota da Lava Jato

Antônio Carlos Bigonha disse que procuradores de primeiro grau não devem emitir juízos de valor sobre outras instâncias

Sessão da 2ª Turma / Foto: Rosinei Coutinho/SCO/STF

No encerramento da sessão da 2ª Turma do Supremo Tribunal Federal (STF), nesta terça-feira (3/9), o subprocurador-geral da República Antônio Carlos Bigonha pediu desculpas ao colegiado pela reclamação manifestada pela força-tarefa da Lava Jato sobre a decisão que anulou a condenação de Aldemir Bendine, ex-presidente da Petrobras. “Não cabe aos procuradores que oficiam perante os […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.


Sair da versão mobile