Do Supremo

Conflito entre Poderes

Marco Aurélio nega pedido para suspender buscas no gabinete de Paulinho da Força

Para ministro, se investigação tramita na 1ª instância, juiz pode autorizar diligências que não restrinjam exercício do mandato

Marco Aurélio
Foto: Carlos Humberto/SCO/STF

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou pedido da Mesa da Câmara dos Deputados para suspender buscas determinadas por juiz de 1ª instância no gabinete do deputado Paulinho da Força (SD-SP). Confira a íntegra da decisão. O ministro entendeu que a decisão do STF sobre o alcance do foro por prerrogativa […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.