Do Supremo

STF

Luiz Fux é eleito próximo presidente do Supremo Tribunal Federal

Fux tomará posse em setembro, e a ministra Rosa Weber será a vice-presidente

Fux
Ministro Luiz Fux preside sessão plenária do STF. Crédito: Nelson Jr./SCO/STF

O ministro Luiz Fux foi eleito, nesta quinta-feira (25/6), o próximo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF). Fux assume em 14 de setembro. A ministra Rosa Weber será a vice-presidente.

A votação em plenário é uma etapa formal, já que a presidência do Supremo, que dura dois anos, é tradicionalmente escolhida com base na data da posse dos ministros.

Ao agradecer a eleição, Fux disse: “Eu prometo aos meus colegas que vou lutar incansavelmente para manter o Supremo Tribunal Federal no mais alto patamar das instituições brasileiras. Vou sempre me empenhar pelos valores morais, pelos valores republicanos, me empenhar pela luta da democracia e respeitar a independência entre os Poderes dentro dos limites da Constituição e da lei”.

O mandato de presidente do Supremo dura dois anos. Toffoli assumiu a presidência do STF no dia 13 de setembro de 2018.

Tradicionalmente, a votação para a presidência do STF ocorre em agosto. Entretanto, em razão da pandemia da Covid-19, essa votação foi antecipada. De acordo com a assessoria do tribunal, isso ocorreu para facilitar o processo de transição na Corte, que pode envolver a mudança e transferência de servidores de outros setores e de outros tribunais.


Cadastre-se e leia 10 matérias/mês de graça e receba conteúdo especializado

Cadastro Gratuito