Do Supremo

Lava Jato

Por maioria, 2ª turma do STF rejeita denúncia contra ministro do TCU Aroldo Cedraz

Para ministros, inquérito não apresentava elementos mínimos para indicar que ele tivesse praticado tráfico de influência

Lavo Jato Aroldo Cedraz
Ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Aroldo Cedraz. Foto Valter Campanato/Agência Brasil

A 2ª Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitou, por maioria, nesta terça-feira (13/9), a denúncia contra o ministro Aroldo Cedraz, do Tribunal de Contas da União (TCU). Para o colegiado, não havia elementos mínimos para que a ação tivesse seguimento, faltando fundamentação que demonstrasse qualquer ato ilícito do ministro. Os ministros chegaram a ponderar, […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.