Direito do Trabalho

Justiça nega vínculo empregatício em contrato de vesting com startup

Decisão envolve a startup Singu e outro sócio que pediu o vínculo trabalhista judicialmente

startup
Crédito: Pixabay

Antes de adentrarmos às razões da decisão1, é necessário esclarecer alguns termos específicos que serão utilizados neste artigo e que fazem parte do ecossistema das Startups. O Vesting, mais comumente utilizado por startups, regula a oferta de participação societária futura com colaboradores estratégicos diante do atendimento de determinados requisitos2. Assim, atendidas as metas e o […]

Leia até 10 matérias/mês no cadastro gratuito e receba conteúdo no seu e-mail

cadastre-se

Conteúdo exclusivo

Para continuar a ler, faça login

Não tem uma conta no JOTA Info? Tenha acesso agora!