Coluna da ABDE

ABDE

Não existe saúde grátis

É possível reduzir os incentivos e otimizar os impactos da intervenção judicial?

Pixabay

Portadora de HPN (hemoglobinúria paroxística noturna), uma artesã obteve em 2014 uma decisão judicial que lhe permitia receber o medicamento Soliris (Eculizumabe), que custava 1,5 milhão por ano, conhecido como o fármaco mais caro do mundo e até então nao registrado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Em 2017, seu tratamento foi suspenso por decisão […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.