Opinião & Análise

Inteligência Artificial

Eu, algoritmo

O trabalhador por aplicativos do século XXI tem a mesma liberdade do trabalhador da Revolução Industrial

Filme "Eu, Robô" – Crédito: Divulgação

O futuro chegou. A odisseia de 2001 – o filme – e seus elementos nunca estiveram tão presentes: vídeochamadas, tablets e, em especial, a inteligência artificial e seus algoritmos. No século XXI, os algoritmos, apesar de invisíveis, são onipresentes. Algoritmos gerenciam dinheiro, relacionamentos – de amizade ou mais íntimos –, lazer e, como não, trabalho. […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.