Opinião & Análise

e-Leitor

Escolhas partidárias: autonomia, democracia e transição

Como concretizar a democracia intrapartidária sem ultrapassar a autonomia dos partidos ou a reserva legal.

Foto: Roberto Jayme/ASICS/TSE

Na última semana, a forma de organização dos partidos políticos ocupou o centro dos debates. Uma nova regra[1] preocupou juristas e partidos políticos ao dispor que “as anotações relativas aos órgãos provisórios têm validade de 120 dias”. Questionamentos levados ao TSE argumentam que estaria “inviabilizada a maioria das candidaturas nas eleições que se aproximam — […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.