Lifestyle

Greve dos servidores

Cinemarden vai aos Tribunais: jornalista lança terceiro volume de obra sobre filmes

Lançamento será em Curitiba, no dia 05 de novembro

O jornalista especialista em cinema Marden Machado lançará, no próximo dia 05 de novembro, seu terceiro volume do “Cinemarden”. Intitulado “Cinemarden Vai aos Tribunais – Um Guia de Filmes Jurídicos e Políticos”, a obra traz 420 filmes que têm justamente o Direito e a Política como temas principais das histórias.

O lançamento será na Livraria Arte & Letra, em Curitiba (PR), na Alameda Dom Pedro II, 44 – Batel, a partir das 16 horas.

Roteirista e comentarista da sétima arte, Machado já publicou dois livros: Cinemarden – Um Guia (possível) de Filmes – Volumes 1 e 2, lançados, respectivamente, em 2014 e 2015. Além disso, o jornalista mantém um site e um canal no YouTube.

O mais novo livro possui, também, como “faixa bônus”, 30 séries de TV que tratam dos mesmos assuntos. Somando tudo, serão 450 títulos sobre a área jurídica e política.

Segundo Machado, os mais de 30 anos trabalhando como servidor da Justiça Eleitoral, nos quais conviveu diariamente com desembargadores, juízes, promotores, advogados e assessores jurídicos, fizeram-no conversar sobre diversos títulos e, em especial, filmes sobre temas jurídicos e/ou políticos. E assim floresceu a ideia do terceiro volume.

A justiça sendo feita

“Confesso que nunca pensei em ser advogado, mas, sempre que assisto ao filme O Sol é Para Todos, dirigido em 1962 por Robert Mulligan e baseado no livro de Harper Lee, a figura íntegra e imponente de Atticus Finch, interpretada com convicção por Gregory Peck, me inspira a repensar minha decisão, e, instintivamente, fico de pé quando ele sai do tribunal”, diz Machado.

Para ele, a história do cinema está repleta de grandes heróis defensores das leis: de Atticus Finch ao membro do júri vivido por Henry Fonda, em 12 Homens e Uma Sentença, passando por Paul Biegler, Tom Hagen, Frank Galvin, Daniel Kaffee, Fletcher Reede, Erin Brockovich, John Milton, Kevin Lomax, Vinny Gambini, Mickey Haller, Nick Rise e Elle Woods. Sem esquecer os advogados Andrew Beckett e Joe Miller, de Filadélfia.

Sobre Filadélfia, Machado lembra que sempre se comove com o diálogo no tribunal entre Miller (Denzel Washington) e Beckett (Tom Hanks), “quando o primeiro pergunta ao outro o que ele ama em relação ao Direito”.

“E este responde que são muitas coisas e que de vez em quando, não sempre, mas ocasionalmente, você vê a Justiça sendo feita. E é uma grande emoção quando isso acontece”, completa.

Nascido em 1963, Marden Machado é jornalista desde 1983. Trabalhou em jornais, revistas, rádios e TVs, além de já ter escrito aqui mesmo, no JOTA.

Serviço:

Cinemarden Vai aos Tribunais – Um Guia de Filmes Jurídicos e Políticos

Lançamento: dia 05 de novembro de 2016, a partir das 16 horas

Local: Livraria Arte & Letra – Alameda Dom Pedro II, 44 – Batel

Editora: Arte & Letra – 460 páginas – R$55,00

Capa (3)

 


Cadastre-se e leia 10 matérias/mês de graça e receba conteúdo especializado

Cadastro Gratuito