Legislativo

Secretaria de Portos deve retomar destaque com Temer

Negociação foi travada com Jader Barbalho

Brasília - Para evitar confrontos entre manifestantes pró e contra impeachment a Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal definiu divisão de espaço na Esplanada dos Ministérios (José Cruz/Agência Brasil)

Antes cotada para ser extinta, a Secretaria de Portos deve ganhar mais destaque. Jader Barbalho, pai do ex-ministro Hélder Barbalho no governo Dilma Rousseff, negociou diretamente com o vice-presidente, Michel Temer, o retorno do filho.

Hélder voltará a ser ministro assim que tiver início a composição ministerial de Michel Temer. Terá pela frente o desafio de conduzir leilões em seis áreas para terminais portuários no Pará. Também terá que conduzir três novos editais de terminais de passageiros: Recife, Natal e Fortaleza.

A primeira agenda já marcada para o retorno do ministro será a licitação do Terminal de Passageiros de Salvador (BA).


Faça o cadastro gratuito e leia até 10 matérias por mês. Faça uma assinatura e tenha acesso ilimitado agora

Cadastro Gratuito

Cadastre-se e leia 10 matérias/mês de graça e receba conteúdo especializado

Cadastro Gratuito