Legislativo

CPI da Pandemia

Analista de invoices no MS diz que erros em documento da Convaxin eram incomuns

Depoente explicou que erros são esperados mas não na quantidade verificada no contrato da vacina indiana

Depoimento na CPI da Pandemia do servidor e técnico da divisão de importação do Ministério da Saúde, William Amorim Santana / Crédito: Edilson Rodrigues/Agência Senado

Convocado a prestar depoimento à CPI da Pandemia sobre sua atuação na análise dos documentos relativos à importação das doses da vacina Covaxin, o servidor William Santana, afirmou nesta sexta-feira (9/7) que a quantidade de erros nas invoices para a importação dos imunizantes indianos eram incomuns. “Isso (erro na invoice) é comum. Nós estamos ali […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.