Justiça

CNJ

Tribunais ficarão com restos a julgar neste ano

Entrada de processos supera julgamentos

Os números mostram por que os juízes com frequência comparam o trabalho de julgar ao ato de enxugar gelo. Até julho deste ano, foram distribuídos 9,843 milhões de novos processos aos tribunais brasileiros e julgados 8,723 milhões. Os dados são de julho deste ano e foram repassados ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para informar o cumprimento da meta estabelecida pelo órgão para os tribunais do País.

A meta 1 estipula que os tribunais devem julgar neste ano mais processos – na fase de conhecimento – do que os casos distribuídos no ano. Até julho, os tribunais haviam julgado 88,62% do que o definido pelo CNJ.

Até julho, sete tribunais estaduais estavam conseguindo cumprir a meta – Acre, Distrito Federal, Goiás, Pará, Paraná, Sergipe e Tocantins.

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro estava próximo de atingir a meta. No período, os desembargadores julgaram mais de 871 mil processos, chegando a 95%. O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) julgou até julho 81% do total de 1,525 milhão de processos que lhe foram distribuídos.

TJPR – 107,73%

TJSP – 81,05%

TJRJ – 95%

TJMG – 92,75%

TRF 2 – 93,1%

TRF 3 – 81,29%

TRF 4 – 70,15%

TRF 5 – 99,52%

TRT 3 (RJ)- 94%

TRT 1 (MG) – 94%

TRT 2 (SP) – 91,5%

TRT 15 (SP – interior) – 93,8%

Na Justiça Federal, a realidade é semelhante. O pior desempenho é do Tribunal Regional Federal da 4a Região. Até julho, foram julgados 70% dos 543 mil processos distribuídos. No TRF da 3aRegião (SP e MS), 81,2% dos processos foram julgados no período. Os melhores percentuais são registrados no TRF 5 – 99,52% – e no TRF da 2a Região – 93,1%. O TRF da 1a Região não repassou os dados ao CNJ até o momento.

Na Justiça do Trabalho, 91,8% dos processos distribuídos foram julgados até julho. De 1,64 milhão de ações que chegaram aos tribunais trabalhistas, 1,51 milhão foi julgado. Dois tribunais regionais do Trabalho alcançaram até julho a meta definida: da 9a Região (Paraná) e da 10a Região (Distrito Federal e Tocantins).

 

TJPR – 107,73%

TJSP – 81,05%

TJRJ – 95%

TJMG – 92,75%

 

TRF 2 – 93,1%

TRF 3 – 81,29%

TRF 4 – 70,15%

TRF 5 – 99,52%

 

TRT 3a Região (Rio de Janeiro)- 94%

TRT 1 (Minas Gerai) – 94%

TRT 2 (São Paulo) – 91,5%

TRT 15 (interior de São Paulo) – 93,8%

 

 


Faça o cadastro gratuito e leia até 10 matérias por mês. Faça uma assinatura e tenha acesso ilimitado agora

Cadastro Gratuito

Cadastre-se e leia 10 matérias/mês de graça e receba conteúdo especializado

Cadastro Gratuito