Justiça

OPERAÇÃO MAIS VALIA

STJ mantém prisão preventiva de desembargadores por venda de decisões judiciais

Para os ministros, a liberdade dos envolvidos pode prejudicar o andamento das investigações

multa, stj
Crédito: Reprodução/Flickr STJ

A Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve, nesta quarta-feira (3/3), a prisão preventiva por 90 dias dos 11 investigados na Operação Mais Valia, entre eles os quatro desembargadores do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região, no Rio de Janeiro. A decisão se deu por unanimidade de votos. Segundo as investigações, o […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.