Do Supremo

STF

STF: Voto de minerva de Barroso vai decidir se condena ou não deputada Professora Dorinha (DEM-TO)

Deputada é acusada de dispensa de licitação e de peculato na compra de livros quando era secretária da Educação de Tocantins

O inquérito do senador Ferraço foi arquivado por Barroso / Crédito: Dorivan Marinho/SCO/STF

O “voto de minerva” do presidente da 1ª Turma do Supremo Tribunal Federal, Roberto Barroso, vai decidir, na próxima semana, se a deputada Maria Auxiliadora Seabra Rezende (DEM-TO) – a Professora Dorinha  – vai ser condenada ou absolvida na ação penal em que é ré, acusada de dispensa de licitação e de peculato na compra […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.


Sair da versão mobile