Combate ao Contrabando

PF

Combate ao contrabando representa quase metade dos inquéritos da PF

Quase cinco mil investigações foram abertas entre 2010 e junho de 2015

Adicional
PRF intensifica fiscalização de condutas imprudentes no quilometro trinta e cinco da BR-040 / Crédito: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

A Polícia Federal atua em mais de 9,4 mil inquéritos no país sobre investigação de desvio de recursos públicos, peculato, fraudes em licitações, tráfico de drogas, entre outros. Desse total, que se refere ao período compreendido entre 2010 e junho de 2015, quase metade diz respeito a ações de contrabando. São 4.692 inquéritos abertos ao total. Até o último dado oficial, a Polícia Federal já havia instaurado no período quase 2 mil inquéritos para operações relacionadas à contrabando.

De acordo com o Ministério da Justiça, as polícias Federal e Rodoviária Federal trabalham conjuntamente, em média, com cerca de 50 operações especiais por ano para o combate especificamente do contrabando para atingir organizações criminosas. Cerca de 300 pessoas são presas anualmente. Até junho de 2015, a Polícia Federal já havia detido 438 pessoas por contrabando.

Dos onze estados que fazem fronteira com outros países, há a concentracao de incidência de contrabando em dois: Paraná e Mato Grosso do Sul. O Paraná, em especial, apresentando cerca de 40% de cigarros apreendidos do total apreendido no país, além de mais 70% das mercadorias (eletrônicos, informática, brinquedos, perfumes).

 

 

___________

JOTA Discute 
Este texto integra a cobertura de novos temas pela equipe do JOTA. Apoiadores participam da escolha dos temas, mas não interferem na produção editoral.
Conheça o projeto!


Cadastre-se e leia 10 matérias/mês de graça e receba conteúdo especializado

Cadastro Gratuito