Justiça

Justiça trabalhista

Pianista do Piantella comprova vínculo após 10 anos sem carteira assinada

Decisão é da Justiça trabalhista do Distrito Federal

O restaurante Piantella, do criminalista Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, foi condenado a indenizar um pianista que, apesar de ter trabalhado por 10 anos no local, não tinha carteira assinada. A decisão, da primeira instância trabalhista do Distrito Federal, determina o pagamento de aproximadamente R$ 150 mil em direitos trabalhistas. +JOTA: Cobrar dívida pelo […]

Leia este texto gratuitamente

Cadastre-se e tenha acesso a dez conteúdos todo mês.

cadastre-se agora. é grátis!

Informações confiáveis, assertivas e úteis. ​Leia e entenda por que o JOTA ​foi eleito a melhor startup de informação do mundo.